How to increase the quality of your sex life? How to resolve the many male health issues that are floating this days? Here are a few tips!

Being physically active can reduce risk factors for heart conditions and improve sexual function and overall health. Conditions such as high blood pressure, heart disease, and diabetes can damage nerves and change the amount of blood that flows to the penis. This can make it more difficult to get or maintain erections. In addition, some men find that regular exercise improves their mental health, reducing anxiety and helping them to feel better about their bodies.

Research on penis stretching techniques is limited. None of the studies that have been done point to any one technique as an effective way to permanently lengthen the penis. However, a temporary increase in size may be possible. One 2010 review reported that men who used the Andropenis stretching device saw an increase in size with extended daily use. Participants used the device for six hours per day over the course of four months. They gained anywhere from 1.8 to 3.1 centimeters (cm) in length.

Research has long shown that eating well is essential to maintaining testosterone levels and overall health. According to one report in the Journal of Neuroinflammation, low testosterone levels and being overweight may contribute to a variety of inflammatory conditions and impaired neurological function. Additional research showed overeating and yo-yo dieting disrupted hormone levels. This effect is most evident in athletes and people who are very active. The best diets are ones that include mostly whole foods and offer a healthful balance of fats, carbohydrates, and proteins. Eating a healthful and nutritious diet can keep all hormones levels in the body balanced and promote optimal long-term health.

A healthy diet is important for all aspects of health, including hormone production, but “diet has no effect on testosterone,” Anawalt says. Supplements are unproven at best –and harmful at worst. “Lots of herbal remedies have been tried, but there is no information to suggest it is effective,” he says. On top of that, supplements that overtly or covertly contain anabolic agents like andro and DHEA are not regulated and potentially dangerous. “Small amounts of these do nothing to your T level,” Anawalt says. “Huge doses of those do increase testosterone, but also increase estrogen out of proportion. Some of the products also have been spiked with something. We don’t encourage these because of the unknown health consequences.”

For our portuguese language visitors :

Como melhorar a qualidade da sua vida sexual? Como resolve o muitos saúde masculina problemas que são presente nos dias de hoje? Aqui estão algumas conselhos!

Mindfulness é a prática de se tornar mais consciente no momento presente. É uma forma popular de meditação para iniciantes e pode melhorar a função sexual. Pesquisa publicada em 2017 sugere que terapias baseadas em mindfulness podem mudar atitudes negativas sobre sexo, melhorar relacionamentos sexuais e ajudar as pessoas a estarem mais presentes durante a atividade sexual. A atenção plena e a meditação também podem ajudar a controlar o estresse não relacionado à atividade sexual. Isso pode direcionar indiretamente a disfunção sexual e melhorar a capacidade do homem de se concentrar no momento. Leia mais sobre este assunto no site : Bull Power

Embora os pesquisadores tenham estudado os dispositivos de extensão peniana, ainda não está claro como eles podem funcionar. Tome a bomba do pênis, por exemplo. Uma bomba peniana é uma câmara cheia de ar em forma de cilindro que você conecta à sua área pélvica. Eles são conhecidos por produzir uma ereção imediata. Algumas anedotas também afirmam que o uso consistente pode, eventualmente, aumentar o comprimento do seu pênis. Dispositivos penianos de tração também são populares. O dispositivo puxa seu pênis para modificar sua curvatura. Dispositivos de tração têm sido usados ​​para tratar a doença de Peyronie, mas mais pesquisas são necessárias para determinar o quão efetivas elas realmente são.

Quanto às mudanças de estilo de vida que podem ajudar a redução natural da testosterona, bem, “isso não é tão simples”, diz Anawalt. Tome o sono, por exemplo. “Há bons estudos mostrando que os médicos que estão de plantão durante a noite por 36 horas, sua concentração T é baixa”, diz ele. Para eles, dormir mais ajudará. Mas para aqueles com padrões de sono bastante normais, “dormir mais não vai ajudar”, diz ele.

De acordo com um estudo recente de 9.054 homens com idades entre 19 e 39 anos que estavam com um peso saudável, os níveis normais de testosterona variam entre 264 e 916 nanogramas por decilitros (ng / dL). As empresas farmacêuticas promovem produtos que supostamente aumentam a testosterona e, embora possam ajudar algumas pessoas, elas também podem retardar a capacidade do corpo de produzir naturalmente testosterona. Além disso, esses medicamentos não são isentos de riscos. Consulte mais informação : https://fatosmasculinos.com/